07 novembro 2005

A "tuna-bébé" de Leiria

Ó pessoal!!!! Até já parece que somos importantes...
Agora, depois de fantasmas, somos a "tuna-bébé" de Leiria e até saímos no jormal!

Ora, para aqueles que não compram jornais e preferem informar-se pela net, aqui fica a notícia que saiu sobre nós no Região de Leiria do passado dia 4 de Novembro. Quem quiser ver mesmo no jornal, é só clikar no link em baixo (é que é lá que está a foto... lol).

Agora babem... e comentem, ó bébés!!!

Saudações Tunantes,
Beta


TAIL, a tuna-bebé de Leiria
Regresso > Tuna do ISLA orgulha-se do repertório de originais alusivos à tradição e Leiria
O “parto” foi difícil. Depois da suspensão de actividade em 1999, a tuna do ISLA - Leiria regressou aos ensaios em 2004 mas tardou a apresentar-se... publicamente. Por isso chamaram-lhes “fantasmas” e os próprios assumiram o saca-rolhas como símbolo. Por causa do vinho, claro, mas também pela demora da “rolha”, por assim dizer, sair. Na semana passada o mistério acabou: os “fantasmas” deram-se finalmente a conhecer à Academia de Leiria, na noite de tunas da Recepção do Caloiro. Agora, a TAIL - Tuna Académica do ISLA, é a tuna-bebé de Leiria.
“Éramos um mito. Sabiam da nossa existência mas como nunca nos tinham visto actuar chamavam-nos ‘fantasmas’. Não achávamos muita piada mas agora até adoptámos o nome para os nossos caloiros”, diz o “magister” da TAIL, João Agostinho, orgulhoso da estreia perante a Academia, durante a Recepção ao Caloiro. “Somos a tuna-bebé de Leiria”, sublinha, ele que é, com outro elemento da tuna, dos poucos com formação musical do grupo.
Tocarem ao lado das outras tunas de Leiria é uma honra muito aguardada. “É como acontecia antigamente, quando um rei era reconhecido pelo Papa”, diz João Agostinho.
A tuna, além disso, é também uma forma de dar visibilidade ao ISLA. Verónica Almeida, presidente da TAIL, considera que a instituição “é um bocadinho esquecida na Academia e a tuna é uma forma de promover o nosso nome. Dá para ver que existimos e é prova de vitalidade”.
Ponto de honra da TAIL é a apresentação de temas originais, versando sobre o ISLA, Leiria, as serenatas ou o ícone saca-rolhas. “Não somos uma tuna convencional”, assume o “magister”. Talvez por isso, recorda a presidente, “as outras tunas tenham gostado bastante da nossa actuação e nos tenham elogiado. Isso significa muito para nós”.

http://www.regiaodeleiria.pt/index.php?lop=conteudo&op=621bf66ddb7c962aa0d22ac97d69b793&id=e601ac8ec15075e6c6d0831dbd5a9c81&drops[drop_edicao]=313

1 comentário:

BUBU disse...

orgulhoso, muito orgolhoso, ja agora obrigado ao Manuel Leiria pela oportunidade que ele proporcionou á TAIL de falar pela primeira vez para as pessoas através de um jornal.
obrigado aos tunos por acreditarem e por continuarem, lembrem-se que agora mais do que nunca temos que trabalhar mais e mais para continuar a mostrar qualidade...
saudaçoes tunantes...